Na última quinta-feira, 23 de março, se apresentou em Brasília o vocalista do Supertramp (Roger Hodgson). Apesar de eu não ser da mesma geração que a banda, escutei bastante suas músicas em uma época muito significativa de minha vida. 
 
Devido ao "cômodo" cansaço da rotina, não fiz muito esforço para ir ao show. Contudo, dias antes, meu amigo Geleia (com quem estudei na referida época) me ligou dizendo que havia comprado os ingressos. Não tive como recusar. Fomos. Apesar da acústica ter deixado a desejar, curtimos muito o "showsaço" do coroa! Em várias músicas, me peguei "vivendo" novamente ótimos momentos dos anos 80 e 90 (inarráveis...). 
Coincidentemente, há um tempo, voltei a conviver com muitos amigos que conheci nesses anos.
 
Após o show, já em casa, abri o baú e marejei os olhos ao ver algumas fotos e lincá-las à época. Entre tantas, consegui escanear as que seguem nesse post.
 
 
Abaixo, segue a letra da música que escutei indo, voltando ou fazendo alguma coisa muito boa naquela época...
 
Hoje, aos 42 anos, entendo o sentido da letra e me identifico completamente.
Valeu Geleia!
Valeu Supertramp!   
 
 
 
 
 
Logical Song - Supertramp
 
When I was young
It seemed that life was so wonderful
A miracle
Oh, it was beautiful, magical
 
And all the birds in the trees
Well they'd be singing so happily
Oh, joyfully
Oh, playfully, watching me
 
But then they sent me away
To teach me how to be sensible
Logical
Oh responsible, practical
 
And they showed me a world
Where I could be so dependable
Oh, clinical
Oh, intellectual, cynical
 
There are times when all the world's asleep
The questions run too deep
For such a simple man
Won't you, please, please, tell me what we've learned?
I know it sounds absurd
But, please, tell me who I am
 
Now watch what you say
Or they'll be calling you a radical
A liberal
Oh fanatical, criminal
 
Oh, won't you sign up your name?
We'd like to feel you're acceptable
Respectable
Oh presentable, a vegetable
 
At night when all the world's asleep
The questions run so deep
For such a simple man
Won't you please (won't you tell me?)
Please tell me what we've learned? (can you hear me?)
I know it sounds absurd
But please tell me who I am
 
Who I am
Who I am
Who I am
Composição: Rick Davies / Roger Hodgson

Acesse Também: